A história da Usina Ipojuca inicia-se em 30 de dezembro de 1899, através do Decreto assinado pelo Barão de Lucena, sendo inicialmente denominada de Usina Bandeira.

No ano de 1948, Antonio Dourado Neto adquire a totalidade do controle da usina e neste momento passa a sua razão social a ser Usina Ipojuca S/A.

A partir 21 de julho de 1997, demostrando forte tendência administrativa para o setor assume o controle acionário da empresa Francisco Luiz Dubeux Dourado.

Prestes a completar cento e dez anos de funcionamento, a Usina Ipojuca consolida-se como uma das empresas líderes em produtividade agrícola no Estado de Pernambuco, atuando sempre com Responsabilidade Socioambiental. Atualmente, conta com 17 escolas, atendendo cerca de 1400 alunos em fase escolar primária, provendo às crianças: vacinação, assistência médica geral, dentária, e oftalmológica. Desenvolve programas e projetos de meio ambiente em conjunto com IPMA - Instituto para Preservação da Mata Atlântica.